São Paulo é o estado com a menor taxa de crimes violentos do país, segundo o Monitor da Violência

A taxa de mortes violentas a cada 100 mil habitantes ficou em 6,60 no último ano

Da Redação / Foto: Divulgação

Os mais recentes dados do Monitor da Violência, parceria do portal de notícias G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (NEV-USP) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, confirmam que São Paulo é o estado mais seguro, com a menor taxa de crimes violentos para se viver no país. Divulgado nesta segunda-feira (21/2), o levantamento confirmou as tendências apontadas mês a mês pelas estatísticas criminais disponibilizadas pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo com as menores taxas de mortes violentas entre todas as unidades da federação.

A pesquisa, que contabiliza o número de vítimas de homicídios dolosos (incluindo os feminicídios), latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, mostra que a taxa de morte violenta de São Paulo ficou em 6,60 a cada grupo de 100 mil habitantes no ano de 2021. Esse número é quase seis vezes menor do que o estado que apresenta a maior taxa (36,8).  

Reduções em números

Segundo a publicação, em 2021, foram registradas 41,1 mil mortes violentas intencionais no país – 3 mil a menos que em 2020, sendo o menor número de toda a série histórica do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, que coleta os dados desde 2007.

São Paulo teve queda de 7,39% nos crimes violentos comparando o ano de 2020 com o ano de 2021. O número passou de 3.343 para 3.096 – 247 a menos. Se considerar apenas os homicídios a queda foi de 6,29%, com 191 a menos. Já os latrocínios reduziram 5,46%, ambos na mesma comparação.

Deixe uma resposta