Polícia prende, em flagrante, comerciante que atirou em vice-prefeito de Atibaia

Homem alegou legítima defesa, pois efetuou os disparos após ser agredido

Da Redação / Foto: Divulgação / Vídeo: Arquivo pessoal

O vice-prefeito de Atibaia (SP), Fabiano Batista de Lima (PL), 36, levou um tiro na perna depois de agredir o comerciante Júnior Humberto de Oliveira, 43, no domingo (13) no bairro Jardim Imperial. Oliveira foi preso em flagrante e vai responder por tentativa de homicídio.

Segundo a Polícia Civil, Fabiano e Júnior se desentenderam depois que o comerciante fez uma transmissão ao vivo nas redes sociais com supostas denúncias de improbidade administrativa envolvendo a esposa do vice-prefeito. Descontente com as acusações, o vice-prefeito foi até a casa do comerciante tirar satisfação.

Júnior alegou legítima defesa, no entanto, como permaneceu atirando enquanto o político corria, o delegado entendeu que houve a intenção de matar. O homem foi indiciado por tentativa de homicídio.

Deixe uma resposta