PM Ambiental apreende 1 km de rede de pesca irregular e devolve diversos peixes ao mar

Ação ocorreu em Bertioga; um filhote de tubarão-martelo estava preso ao equipamento, já sem vida, e foi encaminhado para uma ONG de resgate de animais marinhos

Da Redação / Foto: Polícia Militar

A Polícia Militar, por meio do 3º Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb), apreendeu um quilômetro de rede de pesca irregular, no mar de Bertioga, no último domingo (13). Com a ação policial, diversos peixes foram devolvidos para a água com vida.

Uma equipe do Grupamento Tático, do policiamento marítimo, realizava suas atividades quando encontrou uma rede de emalhe de fundo sem a identificação do pescador profissional responsável. Além disso, não estava sendo realizada a pesca assistida, contrariando o estabelecido na legislação vigente.

Com isso, os militares iniciaram a recolha do equipamento, constatando, em seus mil metros, a existências de diversos peixes enroscados, a maioria com vida, os quais foram imediatamente soltos e devolvidos ao mar.

Entre os peixes localizados sem vida, foi apreendido um filhote de tubarão-martelo, com apenas 70 centímetros e cinco quilos. O peixe, elencado como espécie ameaçada de extinção no Estado de São Paulo, foi encaminhado a uma instituição especializada em resgates de animais marinhos, no município de Guarujá.

Deixe uma resposta