Felipe Augusto publica lei que ajusta piso salarial de agentes de combate a doenças

Esses agentes são profissionais vinculados ao Departamento de Vigilância Epidemiológica do município

Da Redação / Foto: Divulgação

Por orientação do prefeito Felipe Augusto, a Prefeitura de São Sebastião publicou a Lei complementar nº 272/2021, em adequação à Lei Federal nº 13.708/2018, alterando a escala dos vencimentos dos agentes de combate a endemias. Com isso, esses profissionais receberão ajustes no piso salarial.

Em junho deste ano, a gestão atual já havia aderido ao Programa Saúde com Agente, oferecido pelo Governo Federal, que se destina à formação técnica dos agentes, tornando-os aptos em práticas de saúde e de organização do trabalho, qualificando habilidades e competências.

Os agentes de endemias são profissionais vinculados ao Departamento de Vigilância Epidemiológica do município, que trabalham no combate de doenças endêmicas e realizam atividades de controle de seus vetores, como os mosquitos que transmitem dengue, zika e chikungunya.

Entre as atribuições responsabilidades dos agentes de combate a endemias, estão:

– Vistoria de residências, depósitos e terrenos para prevenir focos de insetos transmissores de doenças. Essa é uma das práticas mais eficazes, pois localiza e extermina criadouros e larvas do mosquito, evitando que ele se multiplique;

– Nebulização costal, em que os agentes pulverizam as ruas e domicílios de uma determinada área em que foi detectada um munícipe com uma das doenças. Esse serviço mata o mosquito e ajuda a reduzir o número de casos de contaminados.

– Orientação à comunidade sobre sintomas, riscos e agente transmissor de doenças e medidas de prevenção individual e coletiva.

Felipe Augusto destacou a importância da atualização. “As nossas ações objetivam a valorização dos funcionários e o aprimoramento da sua capacitação profissional em prol da população sebastianense”.

Deixe uma resposta