Colucci avisa ‘grileiros’: ‘Conosco a malandragem não terá vida fácil’

Prefeitura de Ilhabela orienta: antes de comprar um imóvel ou lote, consulte a administração

Da Redação / Foto: Divulgação

A Prefeitura de Ilhabela segue com um trabalho multidisciplinar visando evitar a ocupação irregular de áreas de preservação ambiental ou que sejam de propriedade do município. Além de ações policiais mensais com a presença de pelo menos 50 policiais e servidores municipais do setor de Fiscalização Ambiental, o próprio prefeito, Antônio Colucci (PL), o Toninho Colucci, faz questão de participar das operações. “A gente vai bater pesado nesses criminosos que iludem a população mais carente”, enfatiza.

De acordo com o secretário municipal de Governo, Cezar De Tullio, a orientação do prefeito é que a cidade permaneça intolerante contra pessoas que promovem crimes ambientais para a criação de ocupações irregulares. Para tanto, as ações ocorrem de forma repreensiva e preventiva.

“Se você vai comprar um carro você vai a um despachante levantar débitos, se tem penhora, se tem busca e apreensão, e em um terreno, que normalmente é mais caro do que um carro, as pessoas acabam não dando muita bola e entram em ‘fria’. Depois que comprou o terreno, como a prefeitura vai aprovar uma planta em uma área irregular? Então, é preciso consultar a prefeitura antes, e essa campanha é que temos feito. Antes de comprar um terreno, consulte a Prefeitura de Ilhabela”, explica.

Ainda de acordo com ele, outras entidades como OAB, Gaema, Polícia Militar, membros do Parque Estadual e do Conseg têm se reunido para dar andamento ao TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), colocando em pauta novas formas de se combater as ocupações irregulares.

Entre as propostas estão a revisão da Lei de Regularização Fundiária; adequação do programa de aluguel social; revisão do Plano Diretor; combate às extensões irregulares de rede de energia; licenciamento de áreas para novos empreendimentos imobiliários populares; regularização de 15 núcleos já estabelecidos; e indiciamentos criminais de vendedores de áreas irregulares.

“A gente vai bater pesado nesses criminosos, ao mesmo tempo em que vamos orientar essa população mais humilde que se envolve com esses criminosos. A gente vai ajudar para que isso não aconteça. Conosco a malandragem não vai ter vida fácil. Gente que quer iludir essa população mais humilde, que acaba se sujeitando a algumas situações irregulares”, conclui Colucci.

Análise

Por Kim Borgstrom

O crescimento desordenado é, sem dúvidas, um dos desafios mais complexos e complicados que a Prefeitura de Ilhabela tem para resolver nos próximos anos.

As ações abordadas na matéria, que se iniciaram logo no começo do ano e tem a liderança do Prefeito Toninho Colucci, cumprem com aquilo que se espera do Gestor Público em um momento de crise como a nossa: pulso firme e coragem.

A política e o planejamento habitacional da cidade, compromisso assumido pelo Prefeito em seu Plano de Governo e aprovado por 51% da população na eleição de 2020, tem sido pautada por uma série de ações, que se desdobram desde importantes reuniões com Ministério Público e judiciário para fazer andar – com mais celeridade – os entraves da Regularização de Núcleos, até a pesquisa de sistemas de monitoramento tecnológico de áreas de preservação. O Prefeito e sua equipe vem dando uma verdadeira aula de como tratar do tema.

São ações que criam muita esperança e expectativa na população ilhéu; aquela que já reconhece o combate ao crescimento como prioridade, pois entende que as sucessivas crises sociais, ambientais, financeiras, sanitárias e outras, são resultados direto de uma cidade sem planejamento e capacidade de atender a demanda de sua super-população.

Deixe uma resposta