Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Censo hoteleiro identifica 11 mil leitos de hospedagem em Guarujá

Os pesquisadores percorreram 159 meios de hospedagem espalhados em toda a Cidade
Entender o segmento turístico é essencial para impulsionar cada vez mais o setor / Foto: Divulgação

Receba as novidades direto no seu smartphone!

Entre no nosso grupo do Whatsapp e fique sempre atualizado.

Levantamento inédito contabilizou exatos 10.952 leitos disponíveis, a maior rede do Litoral Paulista; Guarujá também apresentou 14,90% a mais de potencial de empregabilidade no setor, em relação à média estadual

Entender o segmento turístico é essencial para impulsionar cada vez mais o setor, um dos pilares da economia da Baixada Santista. Por isso, Guarujá realizou um Censo Hoteleiro inédito, que identificou 10.952 leitos de hospedagem, a maior oferta em uma cidade da Região. Realizado entre os meses de março e maio de 2024, a partir de visitas in loco a 159 meios de hospedagem da Cidade, o amplo levantamento também diagnosticou um potencial de empregabilidade do setor em Guarujá 14,90% superior à média estadual.

O Censo Hoteleiro 2024 é resultado de uma parceria entre a Prefeitura de Guarujá e o Visite Guarujá – Convention & Visitors Bureau, que aplicou os questionários. Os dados foram apresentados na última terça-feira (11), durante o 2º Encontro Embaixadores do Turismo Responsável, no Casa Grande Hotel Resort & Spa.

Os pesquisadores percorreram 159 meios de hospedagem espalhados em toda a Cidade, sendo 51 hotéis, 95 pousadas, 11 hostels e, ainda, dois resorts, os únicos disponíveis na Baixada Santista. Os 10.952 leitos contabilizados estão à disposição em 3.835 unidades habitacionais, distribuídas em quartos duplos (1.605), triplos (1.178), quádruplos ou mais (1.052). Além disso, a soma também inclui 366 unidades com acessibilidade para Pessoas com Deficiência (PCDs), um outro diferencial da Cidade. 

Empregabilidade do setor em Guarujá é acima da média em São Paulo

Já em relação a empregabilidade, comparado com a média do Estado de São Paulo, o setor hoteleiro de Guarujá apresentou potencial 14,90% superior. O mapeamento também chama a atenção positivamente pelos números relacionados aos equipamentos ativos no Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur), do Ministério do Turismo. Ao todo, 78,62% dos empreendimentos do setor em Guarujá constam do Cadastur. 

Pet Friendly é outro diferencial

A pesquisa incluiu questionamentos referentes à aceitação ou não de animais de estimação, identificando os chamados pet friendly. O resultado demonstrou que 59,75% se adequaram para essa fatia de mercado, preparando-se para receber um público crescente, tendo em vista que cada vez mais pessoas usam este critério como fator determinante na hora de escolher onde se hospedar.

Avaliação

De acordo com o presidente do Visite Guarujá, Lourival De Pieri, o resultado do Censo Hoteleiro oferece informações importantes para a gestão dos empreendimentos locais e aumentam a competitividade do destino. “Os dados obtidos ajudarão a atrair mais eventos para a Cidade, reduzir a sazonalidade da demanda e elevar a taxa média de ocupação dos meios de hospedagem”, analisou.

O prefeito de Guarujá, Válter Suman, define que o recenseamento é uma ferramenta importante para gerar dados concretos sobre o turismo do Município. “Esse trabalho vai auxiliar no desenvolvimento de políticas públicas eficazes para o trade turístico. Guarujá vive um momento especial, com a concretização cada vez mais próxima do nosso aeroporto e da ligação seca com Santos, e esses dados serão cruciais tanto para o Município quanto para os governos estadual e Federal e iniciativa privada se organizarem nesse sentido”, ressaltou o chefe do Executivo.

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga o Jornal LEia