29 pessoas estão abrigadas no ginásio de Guarujá

Um temporal causou deslizamentos, sem vítimas, na cidade; cinco morros sofreram deslizamentos após 162mm de chuva em apenas 72 horas, mais da metade do esperado para todo o mês de março

Da Redação / Foto: Divulgação

Um temporal atingiu Guarujá na noite da última segunda-feira (14), causando alagamentos e deslizamentos em cinco morros da Cidade. Foi registrado um acumulado de chuvas de 162 mm apenas nas últimas 72 horas, mais da metade que a média prevista para todo o mês de março, que é de 248 mm. Às 8 horas da manhã, o prefeito de Guarujá, Válter Suman, estabeleceu um gabinete de crise para avaliar a situação dos morros e traçar as próximas ações.

Houve deslizamentos nos morros da Vila Edna, Morro do Engenho, Vila Baiana, Macaco e  Outeiro, sem danos materiais ou vítimas. No Morro da Vila Baiana, na região da Enseada, houve deslizamento e uma árvore atingiu a estrutura de uma residência. Ninguém ficou ferido. Numa ação preventiva, a Defesa Civil de Guarujá providenciou a retirada de 13 famílias, um total de 29 pessoas, temporariamente removidas para a Escola Estadual Paulo Clemente Santini, que fica nos arredores.

Na sequência, essas pessoas foram transferidas para um alojamento provisório no Ginásio do Tejereba, onde se encontram na manhã desta terça-feira (15), recebendo alimentação e toda a assistência necessária pelas equipes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Assistência Social (Sedeas).

TRABALHO PREVENTIVO – A Defesa Civil de Guarujá recebeu um aviso meteorológico da Defesa Civil do Estado para acumulados de até 100 mm em três dias. Com isso, às 14 horas da última segunda-feira(14) foi elaborado um aviso de risco e publicado nas redes sociais da Prefeitura. Com a intensificação das chuvas às 19 horas, as equipes realizaram vistorias preventivas nos morros da Cidade.

Com o acompanhamento meteorológico, foi possível observar que, em apenas 8 horas o acumulado máximo pluviométrico registrado foi de aproximadamente 185 mm, superando o que era esperado para 3 dias. Às 21 horas a equipe da Defesa Civil de Guarujá promoveu mais um aviso Preventivo por meio do IDAP (Avisos via SMS) indicando a possibilidade de deslizamentos.

As equipes vistoriaram todas as áreas de risco geológico promovendo remoções temporárias pontuais de caráter preventivo. Os técnicos e agentes da Defesa Civil continuam realizando vistorias expeditas pelas áreas de risco geológico do Município.

Deixe uma resposta